Menu

Baki ( Critica )

6 de fevereiro de 2019 - Anime / HQs, Critica
Baki ( Critica )
Anúncios

Baki foi escrito pelo autor Keisuki Itagaki, sua primeira versão foi lançada em 1991, e já foi feito algumas versões em anime e ovas.

A Netflix resolveu trazer para sua plataforma depois de alguns anos com o seu encerramento no Japão. 

Historia...

A história de Baki Hanna, um jovem de 17 anos onde se torna o campeão de lutas marciais do submundo e acaba sendo perseguido por 5 prisioneiros que acabam  fugindo do corredor da morte.

Onde o único intuito deles é conhecer a derrota pois não há ninguém até o presente momento que conseguiu derrotá-los e com isso Baki conta com ajuda de mais quatro lutadores para enfrentá-los em um torneio sem regras, ringues e horário tornando Tóquio em um verdadeiro ringue de luta sangrento. 

Vemos que em BAKI – O CAMPEÃO o enredo não importa muito, e sim o que temos é muita pancadaria pois todo o anime ele é bem movimentado cheio de lutas e peca um pouco na falta de contexto ele não abrange muito a sua parte na trama apenas tem foco em muita ação e pouca história.

Alem disso, também tem muita explicação em certas ações da animação que não há necessidade de estar explicando tanto assim que o golpe do cara atravessou o ouvido acertou o cérebro não tem importância para quem está assistindo, logo nao há muita relevância tá explicando toda vez um golpe que é deferido ao inimigo esse é um aspecto ficou muito tedioso também, em algumas partes do anime quiseram tentar mesclar o 3D não ficou um design gráfico bacana no meio das lutas, bom isso pode ser apenas uma questão de gosto mas essa é a nossa impressão.

 

E ai Vale a pena assistir BAKI – O CAMPEÃO???

 

Se você é um amante de artes márcias, ufc ou algo do gênero recomento pelas belas lutas, Baki não chega a ser um anime ruim digamos que é para quem tem um gosto tanto peculiar que gosta de algo com pouca história e muita ação muita porradaria e violência.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *